idioma

Pesquisar este blog

Seguidores

quarta-feira, 13 de junho de 2012

CARTA À INSPIRAÇÃO


Que dor profunda, me causa essa ausência tua,
Sem notícias, sem verbos por assim dizer.
Em minhas mãos, esta folha desgastada e nua.
Sofre, sem sentir o toque, por ela a escrever.

Aguardo pelas noites frias, na janela, a admirar.
As lágrimas da Lua pela espera infindável,
Sem os versos para poder presentear
Esse astro em sua dor admirável.

Quiçá pelos dias que vou passando
E em todas as belezas que vou encontrando,
Atraio tuas formas prementes.

Espero tuas linhas seguirem meus rastros
Deitar sobre o papel, teus sutis emplastros.
E tatuarem teus traços, simplesmente.

Eritania Brunoro

RECENTES PUBLICAÇÕES

Google+ Followers

Recent Visitors